A guerra na periferia


Lúcio Flávio Pinto

O texto anônimo a seguir reproduzido já circula pela internet. Seria mais um dentre centenas ou milhares que tratam das execuções praticadas entre os dias 4 e 5. A diferença é que aponta informações exatas e faz considerações com verossimilhança com os fatos. E é muito grave. Decidi publicá-lo como desafio às autoridades para que ajam com eficiência e celeridade na identificação e prisão dos responsáveis pelas mortes. Dirijo-o também aos cidadãos para que se manifestem e façam suas denúncias. A inércia, a passividade, a omissão e a conivência são atitudes contrárias ao interesse público num caso de tal gravidade.
Tudo começou pela ganância financeira dos envolvidos nessa sangrenta “guerra do tráfico”.

Há muitos anos o tráfico tem se prevalecido na saudosa cidade de Belém do Pará. Junto com o tráfico, cresce também o número de pessoas que morrem, conviventes ou não com o mundo das drogas.

O ponto X…

View original post 550 more words

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s