Pesquisa Duvidosa: 90% da população que vive na região Oeste do Estado apoia a criação de Tapajós?


Saiu no Estadão:

Pesquisa. Contra essas avaliações, políticos paraenses – a começar pelo deputado Giovanni Queiróz (PDT) – mencionam uma pesquisa feita no Estado, pela Universidade Federal do Pará (UFPA) e divulgada pelo Diário do Pará segundo a qual 90% da população que vive na região oeste do Estado apoia a criação de Tapajós. (Estadão)

 

Como leitor das principais pesquisas produzidas e divulgadas pela estimada Universidade Federal do Pará pergunto aos leitores: vocês já viram ou leram essa pesquisa supostamente atribuída a UFPA? Onde foi publicada? Qual a metodologia? Quem “forjou” esse número absurdo?

Até o momento não consegui localizar tal pesquisa e nenhum(a) pesquisador(a) autor(a) apareceu para falar sobre a mesma, o que me leva a fazer alguns questionamentos: qual o tipo de pesquisa a UFPA costuma fomentar e produzir? É função da Universidade produzir pesquisas aparentemente duvidosas e sem rigor acadêmico, no que diz respeito a divulgação? (sem fonte, sem dados detalhados, sem autor).

Aliás, o momento é oportuno para os “separatistas” apresentarem pesquisas e dados confiáveis mostrando que a divisão territorial é vantajosa. Os especialistas que se posicionam contra fracionamento já se manisfestaram com argumentos sólidos, inclusive o IPEA.

Quem encontrar a pesquisa, favor enviar para o blogtroppos@gmail.com

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s