Belém do Pará: a Veneza de Lama e Lixo


Comparar Belém a Veneza é um absurdo tremendo, mas vou correr o risco e fazer um paralelo entre a bela cidade italiana das águas e cidade amazônica alagada a cada chuva de 15 minutos.

É chocante ver o quanto a população de Belém sofre a cada chuvinha das 2 (a clássica). Quando chove há duas opções: sair e ficar ilhado na rua ou ficar ilhado em casa, pois não só as baixadas alagam e muitas ruas dos bairros ditos “nobres” também vão para o fundo.

"Esse rio é minha rua" era para ser uma metáfora.

A política de drenagem das águas pelos canais de Belém sempre foi desastrosa: primeiro a regra era tapar os canais (exemplo: parte da extensão da Av. Gentil Bittencourt  da Travessa. 14 de março eram um canais, dentre outros canais que foram fechados e niguém percebeu e outros que queriam tapar, como a Doca), depois a regra era realizar a macrodrenagem dos mesmos (exemplo: bacia do Una).

Atualmente há duas obras de macrodrenagem em andamento na cidade, a da bacia da Estrada Nova e do Tucunduba, ambas em ritmo lento (só 8% da obra do igarapé Tucunduba, o principal da cidade está concluída). Enquanto essas duas obras amargam a morosidade e a ineficiência do poder público municipal, a população de Belém ainda vai ter que levantar seus móveis e meter o pé na água suja a cada chuva, além de ver o lixo e entulho invadirem as residências ao menor chuvisco.

Áreas nobres e baixadas: unidas pelos alagamentos.

A obra da  Estrada Nova e do Tucunduba só devem andar de fato depois do término da administração do atual desprefeito e quem sabe depois de 2012 algo poderá ser feito para acabar com esses alagamentos na cidade.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s