Belém: Consumir e ser bem atendido é um favor


Como hoje (15/3) é o dia do consumidor aproveito a data para fazer uma singela homenagem aos consumidores da capital paraense e um triste diagnóstico em relação ao atendimento ao público, tanto na esfera pública, quanto na privada (sem trocadilhos).

 

Ser bem atendido em Belém é coisa rara. Raros são os lugares onde somos bem atendidos, já que muitos colaboradores das empresas (e até os empresários) não sabem lidar com o público, mas sim apenas com o dinheiro do público (os caça níqueis). Quantas vezes você foi a um bar badalado e o garçom demorava séculos para atender, nas lojas, os vendedores selecionam quem pode ser um eventual cliente com base na vestimenta e na cor de pele do consumidor (se está bem vestido é bem atendido, caso contrário, um vendedor só aparece quando o cliente se aproxima do caixa para pagar!).

 

O consumidor que prefere ser atendido pelo telefone para tentar resolver problemas (principalmente com as operadores de celular, que prestam um serviço a cada mais deplorável) acaba sendo refém da espera, da musiquinha, da ligação transferida…isso quando não é um robô (gravação) que não entende português direito e pede para repetir a informação várias vezes.

 

Nos órgãos públicos, a situação é pior. Além das filas, do funcionário mau-humorado e desgostoso da vida o maior perigo é perder um tempo longo e não resolver o problema (vide Detran-Pará, cada ida a esse fatídico órgão é uma perda de horas de vida, embora o mesmo seja quase totalmente informatizado, o que em tese deveria facilitar o atendimento…fora a grana que alguns funcionários corruptos pedem para “facilitar” o andamento dos processos). Nos bancos…prefiro nem comentar, evito ir nesses lugares (tento resolver tudo pelo internet Bank).

 

Na internet, o risco não é menor. A maioria das reclamações de sites como o Reclame Aqui (que é um excelente serviço!) se referem a serviços de compra na web, pelos seguintes motivos: 1) mercadoria paga e não entregue (Mercado Livre); 2) Demora na entrega do pedido (Correios, Brandsclub, Privalia, etc); 3) serviços não prestados (todas as operadoras de celular, clube de compras coletivas); 4) mercadoria avariada e sem troca efetuada (lojas virtuais), dentre outros problemas que tornam a vida do consumidor um calvário.

 

 

A conclusão disso tudo é: não consuma! (ou pelo menos evite as empresas que não atendem bem e mobilize um boicote, o twitter e facebook estão aí para isso).

 

PS.: No orkut (quem usa?) há duas comunidades que homenageiam essa má fama de Belém: “Em Belém se atende mal” (há uma bela representação de um garçom com cara de cachorro) e “Chame o gerente – Belém”. Apesar de pouco movimentadas, dá para concluir que a Sol Informática tem o melhor atendimento e o pior atendimento é…bem a lista é grande.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s